Luciana Raccanello Storto

Atuação Profissional: 

Atua atua como professora MS-3 no Departamento de Lingüística da Universidade de São Paulo. Trabalha com pesquisa nas áreas de Descrição e Análise de Línguas Indígenas e Princípios e Parâmetros.

Formação Acadêmica: 

Graduação:
História, UNICAMP

Pós-graduação:
MA: Lingüística, Pennsylvania State University
Ph.D. Lingüística, Massachusetts Institute of Technology
Pós Doutorado: Museu Nacional-UFRJ, Museu de Arqueologia e Etnologia-USP e The University of Edinburgh

Contato: 

Endereço acadêmico
Av. Professor Luciano Gualberto 403
Sala 22, Prédio das Letras
Fone: 11- 3091-4298
e-mail: storto@usp.br

Linha de pesquisa, grupos e projetos: 

Análise dos sistemas fonético e fonológico
Descrição de línguas não-indo-européias
Estudos dos princípios e parâmetros linguísticos

Trabalha na descrição e análise da língua Karitiana (família Arikém, tronco Tupi) desde 1992. Desenvolveu um projeto de alfabetização na língua Karitiana financiado pela NRF de 1993 a 1997, que alfabetizou dois terços da população Karitiana acima de 10 anos na sua língua materna. Em 2001 foi contratada como docente, coordenadora e consultora da área de Línguas, Artes e Literatura do Projeto Terceiro Grau Indígena, da Universidade Estadual do Mato Grosso, o primeiro curso universitário do país dirigido aos povos indígenas. Participou do Projeto Tupi Comparativo (2001-2005), uma iniciativa interinstitucional financiada pela Wenner Gren Foundation for Anthropological Research que estudou as relações genéticas dentro do tronco Tupi a partir de dados padronizados de línguas representantes das 10 famílias do tronco. Trabalha, desde 2002, em colaboração com o fonólogo experimental Didier Demolin, com quem escreveu uma série de artigos inéditos sobre a fonética e fonologia da língua Karitiana. Participa do projeto ELDP/SOAS da University of London (2013-2014) que documenta a língua Dâw em colaboração com Pattie Epps (U. Texas).

Tem como objetivo desenvolver um grupo de pesquisa no DL da USP que estude as línguas indígenas à luz das teorias lingüísticas formais. Para tanto, entre outras iniciativas, colabora atualmente com os professores Didier Demolin e Ana Muller do DL em projetos de fonologia experimental e semântica formal, respectivamente.

Em sintaxe, trabalha com os temas caso, concordância, ordem de constituintes, estrutura argumental, tópico e foco, subordinação, orações não finitas, e, mais recentemente, aspecto. Em fonologia, trabalha com os temas nasalidade, tom, acento tonal, e, mais recentemente, glotalização. Tem orientado pesquisas de pós-graduação nestes temas em diversas línguas indígenas (Karitiana, Juruna (Yudjá), Ayuru (Wayoró), Dâw, Arara Karib, Tukano, Tuyuka e Makuna). Orientou 8 mestrados e 17 ICs, e orienta, atualmente, 6 doutorados, 2 mestrados e 2 ICs.

 

Publicações: 

Abaixo, seguem alguns artigos para download no formato PDF com a respectiva referência bibliográfica: a maioria dos artigos disponibilizados é uma versão pré-final àquela publicada.

Storto/Rocha.
Storto, L. & I. Rocha. (2014). Strategies of Valence Change in Karitiana. In Incremento de Valencia en las Lenguas Amazónicas.
Francesc Queixalos, Stella Telles & Ana Carla Bruno (resps.). Universidad Nacional de Colombia & Instituto Caro Y Cuervo. Bogotá. 51-69.

Storto, L. (2014). Review of Aikhenvald, Alexandra Y., The languages of the Amazon 2012, Oxford; New York. Studies in Language, vol 38, n.2. Amsterdam/Philadelphia: John Benjamins Publishing Company. 427-435.

Storto, L.
Storto, L. (2014). Reduplication in Karitiana. In Reduplication in the Indigenous languages of South America. Gale Goodwin Gómez & Hein van der Voort (eds.). Brill’s Studies in the Indigenous Languages of the Americas. Brill. 401-426.

Storto, L.
Storto, L. (2014). Information Structure and Constituent Order in Karitiana Clauses. In Information Structure and Reference Tracking in Complex Sentences. Rik van Gijn, Jeremy Hannond, Dejan Matic, Saskia van Putten & Ana Vilcay Galucio (eds.). Amsterdam/Philadelphia: John Benjamins Publishing Company. 163-191.

Storto,L. (2013)
Paralelos Estruturais entre a Quantificação Universal e as OraçõesAdverbiais em Karitiana. Caderno de Estudos Linguísticos v. 42.

Storto, L. (2013)
Temporal and aspectual Interpretations in non-finite clauses. In Time and Tame in Language. Cambridge Scholars Publishing.

Storto, L. (2012)
Subordination in Karitiana. In Amerindia (Revue d’Ethnolinguistique Amérindienne 35. Paris. 219-237. ISSN 0221-8852.

Storto, L. (2012)
Duplicação em Karitiana. In Nominais Nus: um olhar através das Línguas. Pires de Oliveira, Roberta & Meiry Perucchi Mezari (orgs.). Mercado das Letras.

Storto/Demolin. (2012)
The Phonetics and Phonology of South American Languages. In The Indigenous Languages of South America: a comprehensive guide. Lyle Campbell & Veronica Grondona (eds.). Mouton de Gruyter. 331-390.

Storto/Thomas (2012)
Universal Quantification in Karitiana. In Proceedings of the Sixth Conference on the Semantics of Under-represented Languages in the Americas and SULA-Bar. Bogel-Allbitten, E (ed.). Amherst: GLSA/University of Massachusetts at Amherst. ISBN 1475221193.

Storto, L. (2012)
Information Structure in Karitiana. Proceedings of the Conference on the Indigenous Languages of Latin America 5. Austin: The University of Texas. Publicação eletrônica.

Storto, L. (2011)
Ausência de determinantes e complementizadores em Karitiana. In Rozana R. Naves; Heloisa Maria M. L. Salles (orgs.). Estudos Formais da Gramática das Línguas Naturais: artigos selecionados do Encontro Nacional do Grupo de Trabalho Teoria da Gramática/2009. Goiânia: Cânone Editorial. 556-564.

Storto, L. (2010)
Copular Constructions in Karitiana: a case against case movement. In University of Massachusetts Occasional Papers 41. Amherst: GLSA/The University of Massachusetts. 205-226.

Storto, L. (2009)
Sob Nova Direção. Revista Brasileiros. 80-80. São Paulo. 01 Fev 2009.

Storto, L. (2008)
Marcação Absolutiva em Algumas Construções Sintáticas em Karitiana. Ameríndia  (Revue d’Ethnolinguistique Amérindienne) 32: La Structure des Langues Amazoniennes. 183-203. ISSN 0221-8852.

Storto/Demolin. (2008)
The Rhythm Class Hypothesis and Indigenous Languages. Em Bisol, L. & C. Brescancini (Orgs.), Contemporary Phonology in Brazil. Ed Newcastle: Cambridge Scholars Publishing, p. 275-288.

Storto/Demolin (2007-2008)
CDs de Música em Karitiana
Lançado pela Editora Colophon. Fotografias, notas e gravações feitas pelos professores Luciana Storto e Didier Demolin.
Lançamento: 2007

Demolin/Haude/Storto (2006)
Demolin, D. K. Haude & L. Storto. 2006. Aerodynamic and Acoustic Evidence for the Articulation of Complex Nasal Consonants. Revue Parole 40/41/42. Pgs. 177-207. Paris, França.

Muller/Storto/Coutinho-Silva (2006)
Müller, A. L. Storto & T. Coutinho-Silva. 2006. Number and the Count-Mass Distinction in Karitiana. WSCLA Proceedings 11. Pgs. 122-135. Vancouver, Canada.

Storto/Demolin (2005)
Storto, L & D. Demolin. 2005. Pitch Accent in Karitiana. In Cross Linguistic Studies of Tonal Phenomena. S. Kaji (Org.). Tokyo University of Foreign Affairs. Pgs. 329-355. Tokyo, Japan.

Storto (2005)
Storto, L. 2005. Caso e Concordância nas Línguas Tupi. Estudos Lingüísticos. Campinas, Brazil.

Storto/Demolin (2004)
Storto, L. & D. Demolin. 2004. Descriptive and Phonetic Aspects of Pitch Accent in Karitiana. International Conference on Tone and Intonation. Santorini, Greece.

Storto (2003)
Storto, L. 2003. Interactions between Verb Movement and Agreement in Karitiana (Tupi Stock). Revista Letras v. 60. Pgs. 411-433. Curitiba, Brazil.

Storto (2002)
Storto, Luciana. 2002. Algumas categorias funcionais em Karitiana. In Línguas indígenas brasileiras: fonologia, gramática e história. Atas do I Encontro Internacional de Grupos de Trabalho sobre Línguas Indígenas da ANPOLL. Tomo I. Brasília.

Demolin/Storto. (no prelo)
D. Demolin & L. Storto. To appear. Temporal Coordination of Glottalic Gestures in Karitiana. In Wetselz, L., E. Gomez-Imbert & M. Cooler (orgs.). Glottalization Phenomena in Amazonia.

Storto, Luciana. 1999 (Apenas para Download)
Ph.D. Dissertation. MIT.

Storto, L. R., Franchetto, B., Lima, S. (orgs.). (2014). Sintaxe e Semântica do Verbo em Línguas Indígenas no Brasil. Campinas: Mercado de Letras.

Storto, L & I. Rocha (2014). Estrutura Argumental na Língua Karitiana. In Sintaxe e Semântica do Verbo em Línguas Indígenas no Brasil. Campinas: Mercado de Letras. 17-42.

Galucio, A.V., S. Meira, J. Birchall, D. Moore, S. Drude, N. Gabas Júnior, L. Storto, G. Picanço, C. Rodrigues. (2015). Genealogical Relations and Lexical Distances within the Tupian Linguistic Family. Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi v. 10, n. 2. Belém.

Demolin, D. & L. Storto. (no prelo). Temporal Coordination of Glottalic Gestures in Karitiana. In The Phonetics and Phonology of Laryngeal Features in Native American Languages. Avelino, Heriberto, M. Cooler & L. Wetzels (Eds.). Amsterdam: Brill.

Storto, L, K. Vivanco & I. Rocha (no prelo). Multiple Embedding of Relative Clauses in Karitiana. In Amaral, L., M. Maia, T. Roeper & A. Nevins. (Eds.). Recursion and Embedding in Brazilian Languages and Beyond. Cambridge University Press.

Anexar Publicações: