Marcello Modesto

Atuação Profissional: 

Atua como Professor Doutor no Departamento de Linguística, na Graduação e na Pós-Graduação, lecionando Elementos de Linguística I e II e Sintaxe Gerativa na graduação e disciplinas relacionadas à Teoria Gerativa na Pós-Graduação.

Formação Acadêmica: 

2009 - pós-doutorado em Linguística na UCLA (University of California, Los Angeles)

2000 - Doutorado em Lingüística pela University of Southern California

1995 - Mestrado em Lingüística pela USP

1992 - Bacharelado em Lingüística pela USP

Contato: 

Endereço acadêmico
Av. Professor Luciano Gualberto 403
Sala 22 - Prédio das Letras
Fone: 11 - 3091-4298
e-mail: modesto@usp.br

Linha de pesquisa, grupos e projetos: 

A linguística e sua interface com outras ciências, teóricas e aplicadas

Estudos dos princípios e parâmetros linguísticos

Linguística computacional

 

Projetos de pesquisa:

Tradução automática entre línguas com poucos recursos computacionais
Ano de início: 2007
Ano de término: 2009
Natureza: Pesquisa
Situação: Encerrado
Alunos envolvidos:
Mestrado : 1
Descrição:
O projeto aplica a tecnologia de tradução automática desenvolvida pelo grupo Avenue da Universidade Carnegie Melon na construção de um tradutor automático português-inglês. Para tanto, são desenvolvidos um léxico bilíngüe e uma gramática de transferência para este par de línguas em particular. Para a análise morfológica, usamos o programa Jspell, disponível pela rede mundial. O objetivo, além de testar a eficácia e a portabilidade da tecnologia, é investigar as dificuldades da tradução automática sob uma perspectiva lingüística.
Equipe:
Marcello Modesto  (Docente responsável)
Lucia Helena Rozário (Discente)
Financiador: FAPESP

Sujeitos nulos e a sintaxe da complementação em Português Brasileiro
Ano de início: 2004
Natureza: Pesquisa
Situação: Em andamento
Alunos envolvidos:
Iniciação científica : 1
Descrição:
O projeto discute a interpretação e propõe uma análise sintática da geração de sujeitos foneticamente nulos no PB, tanto em orações finitas como nas infinitivas, flexionadas ou não. Também procura explicar a distribuição da flexão infinitiva e a forma dos complementos oracionais em português e outras línguas.
Equipe:
Marcello Modesto (Docente responsável)
Suzana Fong (Discente)
Financiador: FAPESP

Linguagem, pensamento e arquitetura mental
Ano de início: 2010
Natureza: Pesquisa
Situação: Em andamento
Alunos envolvidos:
Iniciação científica : 1
Descrição:
Este projeto lida com a questão da recursividade nas línguas naturais, sua evolução na espécie humana, e com a interação entre o módulo sintático computacional e o módulo conceitual-intencional da mente humana.
Equipe:
Marcello Modesto  (Docente responsável)
André Arruda (Discente)
Financiador: Projeto MaCLinC - USP (Mathematics, Computation, Language and the Brain),http://www.ime.usp.br:8080/MaCLinC/.

Publicações: 

Modesto, M. 2011. Finite control: Where movement goes wrong in Brazilian Portuguese. Journal of Portuguese Linguistics 10, 3-30.

Modesto, M. 2011. Infinitivos flexionados em português brasileiro e sua relevância para a teoria do controle. In D. Da Hora e E. Negrão (eds.) Estudos da Linguagem. Ed. Ideia, 63-87.

Modesto, M. 2010. What Brazilian Portuguese Says about Control: Remarks on Boeckx & Hornstein. Syntax 13 (1), 78-96.

Modesto, M. 2009. Null Subjects in Brazilian Portuguese: a critique of two possible analyses. In: Maria Aparecida C.R. Torres Morais; Maria Lúcia da C. V. de O. Andrade. (Org.). História do Português Caipira vol. 2, p. 99-123.

Modesto, M. 2008. Topic prominence and null subjects. In T. Biberauer (ed.) The limits of syntactic variation

Modesto, M. 2007. Null Subjects in Brazilian Portuguese and Finnish: They are not Derived by Movement. In W. Davies e S. Dubinsky (eds.) New horizons in the analysis of control and raising, Springer, 231-248.

Modesto, M. 2004. Sujeitos nulos em línguas de tópico proeminente. Revista da ABRALIN 3, 121-148.

Modesto, M. 2001. As construções clivadas no português do Brasil: relações entre interpretação focal, movimento sintático e prosódia. Humanitas, SP. (sem pdf)

Modesto, M. 2000. Null subjects without rich agreement. In M. Kato e E. Negrão (eds.) Brazilian Portuguese and the null subject parameter, 147-174. (sem pdf)

Modesto. M. 2000. On the identification of null arguments. Tese de doutorado, USC.