GEPOEX - Grupo de Estudos de Poéticas Experimentais

É comumente aceito que as poéticas ditas experimentais sejam circunscritas às práticas artísticas das vanguardas Modernas. Percebe-se, no entanto, diante de exemplos como a literatura helenística, o barroco ibérico e as escolas de haikai do Japão Medieval, que procedimentos empregados posteriormente por artistas de vanguarda são antes tendência composicional que estilo de época. O GEPOEX (Grupo de Estudos de Poéticas Experimentais), portanto, tem por objetivo se dedicar à análise filológica e semiótica deste processo de significação, encontrado não somente na literatura, mas em artes provenientes de todos os sistemas de signos.

Docente Responsável:
Prof. Dr. Antonio Vicente Seraphim Pietroforte


Integrantes:

Maria Vitória L. Siviero (doutorado): Performance-art e teatro experimental: Uma abordagem semiótica

Tatiana Carlotti (doutorado): Prosa experimental: Uma abordagem semiótica

Clarissa Monteiro (doutorado): O plano de expressão do quadrinho experimental 

Matheus Bueno (iniciação científica): Estudos judaicos: Uma abordagem dialógica nos termos de Martin Buber

Ernesto Manoel de Melo e Castro (colaborador externo): Poesia experimental: Uma abordagem semiótica

Silvio Moreira (doutorado – Filosofia – FFLCH): Teoria estética, musicologia

Gizelia Mendes Saliby (mestrado): O discurso do quadrinho experimental: Uma abordagem semiótica de “A origem do mundo: Uma história cultural da vagina ou a vulva vs. o patriarcado”, de Liv Strömquist

Guilherme Pezzente Pinto (iniciação científica): Canção e cinema experimental: uma abordagem semiótica

Juliet da Silva Rodrigues (iniciação científica): Spoken word: uma abordagem semiótica

Josuel Santos (Doutorado): A semiótica da educação linguística: práticas experimentais no ensino da língua materna

Isabella Tavares Sozza Moraes (iniciação científica/colaboradora externa UNISA): O meme enquanto gênero: semiótica e coerções textuais

Brígida Mônica Alves da Silva (iniciação científica): Poesia visual barroca luso-brasileira: uma abordagem semiótica

Rebecca Alexandre Machado (iniciação científica): Letrismo: uma abordagem semiótica

Produções
 

2017

              (1)  Publicação, pelo grupo Neûron – nossa frente editorial –, dos livros Poemas Conceptovisuais, de autoria do prof. Dr. Ernesto Manuel de Melo e Castro, membro aposentado do programa de pós-graduação em Estudos Comparados de Literaturas em Língua Portuguesa, do DLCV da FFLCH/USP, e Divino Gibi – crítica da razão sapiencial, de autoria do prof. Dr. Jaa Torrano, titular da cadeira de Língua e Literatura Grega do DLCV da FFLCH/USP;

              (2) Organização da primeira Semana de Arte Experimental da FFLCH/USP, no primeiro semestre de 2017, realizada em parceria com os programas de pós-graduação em Semiótica e Linguística Geral e de Estudos Comparados em Literaturas em Língua Portuguesa, que contou com a participação de importantes artistas e acadêmicos da área, tais como os professores Drs. Marcelo Tápia (Diretor da Casa das Rosas e da Casa Guilherme de Almeida e professor do programa de pós-graduação em Estudos da Tradução do DLM da FFLCH/USP); Luiz Geraldo Ferrari Martins (quadrinista de renome internacional e professor do curso de Arquitetura da Universidade Presbiteriana Mackenzie); Florivaldo Menezes (músico e compositor reconhecido mundialmente, professor titular do curso de música da UNESP – Campus Barra Funda); Ernesto Manuel de Melo e Castro; prof. Ms. Silvio Moreira Barbosa Júnior (músico e compositor, professor de História da Música do Conservatório e Faculdade Souza Lima); e os quadrinistas e artistas plásticos Rafael Coutinho e Ruis Vargas;

              (3) Participação, do prof. Dr. Antonio Vicente e seus orientandos, prof. Rodrigo Bravo (mestrando) e Prof. Ms. Maria Vitória Laurindo Siviero (doutoranda), na III Semana SL Rock, organizada pelo Conservatório e Faculdade Souza Lima, evento transdisciplinar que reuniu pesquisadores das áreas de análise musical, etnomusicologia, composição, harmonia e regência e semiótica, contribuindo com a visão da linguística e das ciências dos discursos para enriquecer a discussão de temas atuais da pesquisa em musicologia;

              (4) Participação, do prof. Dr. Antonio Vicente e seus orientandos, prof. Rodrigo Bravo e prof. Ms. Maria Vitória Laurindo Siviero, como organizadores e professores do curso de extensão universitária A criação literária por meio das formas poéticas, com duração de doze semanas, na Casa das Rosas, no primeiro semestre de 2017;

              (5) Organização, por parte do prof. Dr. Antonio Vicente e seu orientando, prof. Rodrigo Bravo, de quatro edições do recital Fome de Forma, na Casa das Rosas, que reuniu, nos meses de janeiro, março, maio e agosto, poetas de renome das literaturas brasileira e portuguesa para discutir, com escritores e apreciadores da poesia, seus processos criativos;

              (6) Organização e manutenção do website Pararraios Comics (www.pararraioscomics.com.br), em que foram publicados mais de cinquenta textos de divulgação de ciências humanas e artes, produzidos pelo prof. Dr. Antonio Vicente Seraphim Pietroforte e seus orientandos prof. Rodrigo Bravo, profa. Ms. Maria Vitória Laurindo Siviero e profa. Clarissa Monteiro (mestranda); o grupo foi convidado, em fevereiro de 2017, para compor mesa redonda sobre a HQ brasileira contemporânea, na II Feira de quadrinhos da Biblioteca Municipal Ernesto Manuel Zink (Campinas/SP); além disso, em julho de 2017 publicamos por meio da série Piu! – nossa frente de recuperação da memória nacional do quadrinho brasileiro experimental – a reedição histórica da HQ Glaucomix, com roteiro do poeta Glauco Mattoso e arte do quadrinista reconhecido nacionalmente Francisco Marcatti.

              (7) Organização e manutenção do website Grupo Neûron de literaturas experimentais (http://gruponeuron.com/), dedicado à discussão e divulgação da literatura contemporânea em língua portuguesa e ao resgate de sua memória.