Lançamento: Comparando Convivialidades - Vivendo com a diferença em Casamansa (Senegal) e Catalunha (Espanha)

Cartaz
Cartaz
Ministrante
Tilmann Heil; Alexander Yao Cobbinah; Luciane Scarato

Lamentamos informar que, devido ao surto de coronavírus, o evento de lançamento foi cancelado. 

O CEA (Centro de Estudos Africanos) e o Departamento de Linguística da USP convidam para o lançamento do livro "Comparing Conviviality - Living with difference in Casamance and Catalonia", pela editora Palgrave McMillan, deTilmann Heil, seguido de debate com participação do professor Alexander Yao Cobbinah (USP) e da professora Luciane Scarato (Universidade de Colônia/Mecila, CEBRAP).

O autor  

Tilmann Heil é FWO Pegasus Marie Sklodowska-Curie Fellow da Universidade de Lovaina, Bélgica, e pós-doutorando no Programa de Pós Graduação em Antropologia Social (PPGAS), Museu Nacional / UFRJ. De 2013 a 2017, foi pesquisador de pós-doutorado no Centro de Excelência da Universidade de Constança, Alemanha. Durante o doutoramento (2009-2013) na Universidade de Oxford, Inglaterra, foi bolsista do Instituto Max Planck para o Estudo da Diversidade Religiosa e Étnica, em Gotinga, Alemanha. Atualmente ele pesquisa hierarquias e desigualdades urbanas a partir do seu trabalho etnográfico com migrantes senegaleses e espanhóis no Rio de Janeiro.

Sumário do livro

Em um mundo onde a diferença é muitas vezes vista como uma ameaça ou desafio, o livro explora como as pessoas realmente vivem em sociedades diversas. Baseado numa etnografia a longo prazo de africanos ocidentais, tanto no Senegal como na Espanha, este livro propõe que a convivialidade é um compromisso com a diferença entre etnias, línguas, religiões e práticas.

Tilmann Heil reúne histórias de longa data, projetos políticos e práticas cotidianas de viver com a diferença. Com foco na vida de bairros em Casamança, Senegal e Catalunha, Espanha - duas regiões igualmente complexas - o livro mostra como os senegaleses negociam e traduzem com habilidade os meandros da diferença e do poder. Nestes mundos africanos e europeus vividos, a convivialidade é sempre temporária e em transformação.

Este livro oferece uma leitura texturizada, realista, porém esperançosa, da diferença, da mudança social, do poder e do respeito.

Local
São Paulo, SP. USP, Campus Cidade Universitária. Av. Luciano Gualberto, Prédio da Filosofia e Ciências Sociais, sala 08.
Data de Início
Data de Término
Professor Responsável
Alexander Cobbinah