GELA - Grupo de Estudos de Línguas Africanas

SEJA BEM-VINDO AO SITE DO GELA!

O Gela, desde 2013, está envolvido com a pesquisa sobre o quimbundo falado na região do Libolo, município de Cuanza Sul, Angola. Tem como membros as professoras Esmeralda Vailati Negrão, Evani Viotti e  estudantes de Iniciação Científica. O projeto de investigação no município do Libolo, localizado na província angolana do Cuanza-Sul, onde a língua portuguesa e o quimbundo são os principais instrumentos de comunicação e de manutenção da cultura da população, constitui uma oportunidade ímpar de pesquisa, na medida em que os estudos que serão realizados dentro das linhas do projeto permitirão dar prosseguimento às investigações sobre o funcionamento gramatical do quimbundo bem como de que modo essa língua teria participado na formação do português falado no Brasil e em Ang ola. Trata-se de um projeto internacional, com a participação de universidades brasileiras e chinesa, coordenado pelos professores Márcia Santos Duarte Oliveira (DLCV-USP) e Carlos Figueiredo (UMAC- Macau). Sou coordenadora da equipe de quimbundo. 

Em 2014 e 2015 foram realizados dois eventos, I Semana do Projeto Libolo e II Semana do Projeto Libolo, na FFLCH, promovidos pelos departamentos de linguística e DLCV, com o apoio do CEA (Centro de Estudos Africanos) da USP. 

Em 2015, foi publicado o livro Introdução à linguística africana, São Paulo: Contexto, organizado por mim e escrito em parceria com alguns de meus ex-orientandos, membros do GELA. A obra apresenta uma visão introdutória atualizada do universo linguístico africano, com a preocupação de oferecer uma material de estudos para estudantes de Letras e estudiosos das culturas africanas  no Brasil.